LOCAL | Fonte: Diario de Pernambuco

Hospital oftalmológico terá preços populares

Fonte: Diario de Pernambuco

A Fundação Altino Ventura inaugurou ontem o Hospital Oftalmológico Popular, no bairro da Iputinga, no Recife. Com o objetivo de arrecadar recursos para a construção da nova sede da Fundação, a unidade de saúde realizará consultas, exames e cirurgias a preços populares. A clínica iniciou o atendimento ontem e funciona todas as quartas e sextas-feira, das 13h às 16h30, no segundo andar do Centro de Reabilitação Menina dos Olhos (CER IV), na Avenida Maurício de Nassau.

Unindo a capacidade ociosa de atendimento com a necessidade de reiniciar as obras da nova sede, a FAV equipou um consultório de serviços oftalmológicos completos. O dinheiro será revertido para as obras da nova sede da Fundação, na Avenida Maurício de Nassau, e para o manutenção da FAV.

Pessoas de todas as idades poderão agendar consultas através dos telefones (81) 3221-3008 e (81) 3081-1500. Ambulatório, exames e cirurgias também serão ofertados na unidade. As consultas custam a partir R$ 80 e podem ser pagas em cartões de débito, crédito ou boletos bancários.

De acordo com Luciano Reginato, diretor-executivo da FAV, inicialmente a capacidade de atendimento será de 70 pacientes por turno, e existe a possibilidade de estender o funcionamento da clínica para o período de segunda a sexta-feira. A equipe do consultório conta com 10 profissionais, dentre eles dois médicos oftalmologistas.

“Todo o consultório foi montado com doações nacionais e internacionais. Tivemos o cuidado de deixar um ambiente de primeira linha, onde o paciente será muito bem atendido pela nossa equipe”, reforça Reginato.

Verbas
Atualmente a fundação atende em salas alugadas na Rua do Progresso, no bairro da Boa Vista. As obras da nova sede estão paradas desde abril de 2014 por falta de verba, estando o orçamento total avaliado em cerca de R$ 40 milhões.

Após a finalização da nova sede, a FAV irá dobrar a capacidade de atendimento. Atualmente são realizados 40 mil procedimentos em 18 consultórios e duas mil cirurgias em oito salas cirúrgicas, além de cerca de 12 mil emergências mensais, pelo Sistema Único de Saúde (SUS). A nova sede terá 18 salas cirúrgicas, 52 consultórios e capacidade de realizar 80 mil procedimentos mensais.

A FAV é uma das instituições mais atuantes do país no que se refere a ações de combate à cegueira e de reabilitação visual da população de baixa renda. Ao longo de quase três décadas, já realizou cerca de 10 milhões de procedimentos em pacientes do Norte e Nordeste.

Gostou ? Então deixe um comentário abaixo.