SIMEPE | Fonte: Assessoria de Comunicação do Simepe

UPA São Lourenço: reunião com o Simepe aborda insegurança e condições de trabalho na unidade

Fonte: Assessoria de Comunicação do Simepe

Questões relativas à segurança e funcionamento da UPA de São Lourenço, regida pelo Instituto Materno Infantil (IMIP), foram tema da reunião da diretoria do Sindicato dos Médicos de Pernambuco (Simepe) com representantes do corpo médico da Unidade, na noite dessa segunda feira (07) na sede do Simepe.

 A vice-presidente do Simepe, Cláudia Beatriz, acompanhada da diretora do Sindicato, Malu David, recebeu as denúncias dos profissionais da UPA. Foram relatadas as reincidentes ocorrências de agressões verbais e tentativas de agressões físicas, déficit na equipe de segurança, que consiste em apenas um policial militar. Além disso, falta de manutenção de equipamentos e materiais de trabalho, número excessivo de atendimentos por dia, superlotação e ausência de UTI móvel para transferência de pacientes de risco.

Foi deliberada em reunião a solicitação de, mediante um ofício, reunião com diretores médicos e administrativos da Unidade e requerimento do número de procedimentos por especialidade médica da UPA. “O encontro trará também como pauta a necessidade da aquisição de uma UTI móvel, contratação de mais um clínico além da manutenção e reposição de equipamentos médicos”, explicou a vice-presidente do Simepe.

As questões relativas ao ponto eletrônico, horário de repouso e campanha salarial já estão sendo discutidas pelo Sindicato dos Médicos de Pernambuco junto às Organizações Sociais (OS’s) na Convenção Coletiva.