EDUCAÇÃO | Fonte: Folha de Pernambuco

Cientistas norte-americanas participam de debate na UFPE

Fonte: Folha de Pernambuco

Recife vai ser palco de encontro internacional para discutir avanços científicos na área das doenças infecciosas a partir de estudos matemáticos. As palestras vão contar com a presença da professora Shweta Bansal, do Departamento de Biologia da Universidade de Georgetown, nos Estados Unidos, e da professora Lora Billings, do Departamento de Ciências Matemáticas da Universidade de Montclair, também nos EUA. O evento ocorre nesta quinta (23) e sexta-feira (24) em auditórios da UFPE e da UFRPE com tradução simultânea e é aberto ao público.

Workshop Brasil-EUA da mulher cientista: Contribuições Científicas e Impactos Sociais vai abordar algumas contribuições científicas de impacto social feitas dentro da biomatemática nos últimos anos, destaca a pesquisadora do Centro de Tecnologias Estratégicas do Nordeste (CETENE), Giovanna Machado, que também vai participar das palestras. “Esse workshop é muito relevante, porque é o primeiro que acontece no Recife e essa interação entre cientistas brasileiras e norte-americanas vai ser muito benéfico para o ramo da biomatemática”, afirmou.

As palestras também vão abordar a participação das mulheres no meio científico ao traçar um paralelo entre a realidade dos EUA e do Brasil. Segundo a pesquisadora, a questão do empoderamento no meio científico não é só discutida no Brasil e os preconceitos ainda são latentes.

“Acredito que é uma realidade mundial, principalmente na área de ciência, que é um meio muito masculino, as dificuldades que as mulheres encontram para conseguirem conquistar o seu espaço. Você sempre tem que fazer mais do que o homem para poder provar e mostrar sua capacidade. Isso não é só nos Estados Unidos, ou no Brasil, mas é algo geral.”

Gostou ? Então deixe um comentário abaixo.

Clippings