RECURSOS HUMANOS | Fonte: Assessoria de Comunicação do Cremepe

Hospital Dom Malan é pauta no MPPE de Petrolina

Fonte: Assessoria de Comunicação do Cremepe

“Só vamos conseguir regularizar definitivamente as escalas de médicos em Petrolina com concurso público”, defendeu o 2º secretário do Cremepe, Sílvio Rodrigues, nesta quinta-feira (13/09), no Ministério Público de Pernambuco em Petrolina. A reunião foi convocada pela promotora da 4ª promotoria da Justiça de Defesa da Cidadania do município – Curadoria Saúde, Ana Cláudia Sena, para discutir a situação do Hospital Dom Malan. Participaram do encontro a vice-presidente e o diretor Regional do Simepe, Cláudia Beatriz e José Alberto Vieira, além de Etiel Lins, superintendente do Hospital.

Baseada nas fiscalizações do Cremepe e denúncias de usuários e do Sindicato a promotora convocou as entidades e gestão da unidade para analisar e viabilizar as “perspectivas de melhoras do Hospital Dom Malan”. De acordo com Cláudia Beatriz o principal problema do serviço está relacionado aos recursos humanos, onde a escala de médicos está defasada o que compromete a assistência já que a unidade recebe pacientes de 53 cidades do sertão do Pajeú. “Há mais de 15 anos não tem concurso para médicos em Petrolina”, afirmou José Alberto. Em contrapartida, os representantes do hospital informaram as dificuldades financeiras que o serviço enfrenta.

A promotora destacou a necessidade de garantir assistência imediata a toda população e a recomposição da escala profissional.  “A falta de concurso público para médicos, especificamente para Petrolina, gera na saúde pública uma gravidade muito maior. Você não ter médico concursados para uma cidade como Petrolina traz prejuízos para o bom funcionamento da saúde pública, isso a gente vai encaminhar para o promotor de patrimônio”, disse Ana Cláudia.

A representante da justiça também deliberou junto aos participantes que o secretário de Saúde de Pernambuco será acionado para a possibilidade de repactuação com o serviço; que as entidades farão nova fiscalização no serviço com a presença do MPPE e a gestão da unidade informará as necessidades para adequação das exigências apontadas pelo Cremepe.

Gostou ? Então deixe um comentário abaixo.

Clippings