FISCALIZAÇÃO | Fonte: Assessoria de Comunicação do Cremepe

Cremepe faz nova vistoria nas UBSs de Petrolina e confirma melhorias

Fonte: Assessoria de Comunicação do Cremepe

O Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (Cremepe) participou nesta terça-feira (06/11) de ação conjunta de vistoria nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) dos povoados de Bebedouro e Pedrinhas, em Petrolina. Estes serviços receberam um indicativo de interdição da autarquia em julho de 2017, passaram por reformas e foram tema de reunião em 13/09 no Ministério Público de Pernambuco, sob coordenação da promotora Ana Cláudia Sena.

A ação contou com a participação da promotora da saúde, Ana Cláudia Sena, representante do Conselho de Enfermagem, Benvinda Barros, representante da secretaria de Saúde, Lorena Andrade e do Sindicato dos médicos, José Alberto Vieira. Do Conselho de Medicina, o 1º secretário, Sílvio Rodrigues, e a médica fiscal, Polyanna Neves fiscalizaram as unidades. A estrutura física foi adaptada as exigências dos relatórios do Cremepe.

O objetivo da ação conjunta foi confirmar as melhorias apresentadas pela secretaria de saúde na reunião no MPPE. Na unidade UBS de Bebedouro foi possível identificar melhorias relacionadas à estrutura física e dedetização do ambiente. Há apenas uma equipe de saúde e uma área descoberta com 200 pessoas. Ainda na vistoria foi identificado que a geladeira de armazenamento das vacinas não estava chegando ao grau necessário para manter as medicações e por isso há vacinação em um dia da semana. A estrutura física ainda precisa ser modificada, mas a equipe informou que o prédio é provisório e a nova unidade está sendo finalizada. A secretaria de saúde informou que a previsão de entrega da obra é de fevereiro de 2019, na oportunidade a secretaria se comprometeu em enviar, em até 10 dias, a planta da nova unidade ao Cremepe.

Já a unidade do povoado de Pedrinhas funciona como unidade satélite da Unidade Básica de Januária e foi muito modificada. O banheiro que funcionava como DML e ficava próximo à recepção foi transferido para a lateral da unidade, a coberta foi trocada e construída uma entrada para cadeirantes. No serviço, o médico atende um dia e o enfermeiro em outro, porém, a questão da vacina se repete.

Para a promotora “é importante estar no local junto com os órgãos de fiscalização”, onde já foi possível observar melhorias e que a gestão está empenhada em resolver as questões apresentadas pelas entidades. Para ela o saldo foi positivo porque “juntos puderam fiscalizar e buscar as melhorias, na oportunidade, constatamos que já houveram grandes avanços”, pontuou.

ENTENDA O CASO – O Cremepe instaurou um procedimento e notificou a prefeitura com um indicativo de interdição ética, aprovada na plenária de agosto de 2017. O documento deu 30 dias para a gestão regularizar os serviços. Após reformas e contratações, a fiscalização do Conselho voltou às unidades em fevereiro de 2018, re-fiscalizou e confirmou a desinterdição.

Confira o Dossiê de fotos – UBSs Petrolina

Gostou ? Então deixe um comentário abaixo.

Clippings