NOVOS MÉDICOS | Fonte: Assessoria de Comunicação do Cremepe

Formandos da UPE Recife e Garanhuns assistem aula de ética no Cremepe

Fonte: Assessoria de Comunicação do Cremepe

O Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (Cremepe) promoveu nesta quarta-feira (22/05) a aula de ética para os formandos em medicina da Universidade de Pernambuco – campus Recife e campus Garanhuns, na sede do Cremepe, no Espinheiro. O ex-presidente do Cremepe, André Dubeux, e a conselheira Sandra Araújo da Escola Superior de Ética Médica (ESEM) receberam os novos médicos para dar as boas vindas e esclarecer dúvidas sobre a atuação médica no Estado.

Ele explicou o papel do Cremepe na vida profissional dos novos médicos, fez explanações de acontecimentos no Cremepe, destacou a preocupação com a abertura indiscriminada de escolas médicas e falou sobre o papel dos Conselhos de Medicina.

Para o ex-presidente há três situações que o médico recém formado “mais se engancham”: na troca de plantão que deve ser pessoa a pessoa, caso não seja cumprido o médico trata se de uma infração ética e penal; os atestados graciosos porque “o atestado médico é um documento sagrado e tem fé de ofício”, destacou Dubeux. Por fim, evidenciou o cuidado com as mídias sociais, destacando o novo Código de ética Médica que entrou em vigência em abril deste ano.

Já a representante da escola de ética, começou a “conversa” mostrando o significado da palavra ética e sua etimologia, fez uma contextualização histórica e abordou os princípios bioéticos. Ela falou das responsabilidades médicas, mostrou a estrutura do Conselho e apresentou exemplos.

Gostou ? Então deixe um comentário abaixo.

Clippings