CIDADES | Fonte: JORNAL DO COMMERCIO

Elegância para salvar vidas

Reportagem: JULIA AGUILERA Fonte: JORNAL DO COMMERCIO

SETEMBRO AMARELO O mais charmoso dos calungas entra na campanha contra o suicídio e vai às escolas para ficar mais perto dos jovens

A parceria entre Carnaval e educação está sendo a aposta do Clube de Alegoria e Crítica O Homem da Meia Noite para sua campanha social deste ano. Lançando uma camisa especial em alusão ao Setembro Amarelo, o calunga icônico se aliou ao Centro de Valorização da Vida (CVV) na prevenção ao suicídio. A ideia é usar todo o charme e esplendor do gigante para ajudar a salvar vidas e alcançar jovens que em vulnerabilidade emocional.

Durante este mês, seis escolas da rede pública de Olinda receberão a visita do calunguinha e do CVV. A intenção é usar a magia do Carnaval para resgatar a alegria e ajudar na divulgação dos serviços de apoio do centro. “Todos os anos quando começamos o projeto do Carnaval pensamos em cuidar das pessoas. Como educador, vi a necessidade de meus alunos terem esse acolhimento, esse apoio, e nada melhor do que a alegria do Homem da Meia Noite e do frevo pernambucano”, explica Luiz Adolpho Alves, presidente do clube.

A iniciativa tem apoio das Secretarias de Educação de Pernambuco e de Olinda. A ideia é que as visitas proporcionadas pela campanha ajudem professores a desenvolver melhor o tema em sala de aula. “Hoje a depressão é tema presente em todos os lugares. A gente que da rede estadual de educação precisa apoiar os jovens. Uma ação como esta, em parceria com o Homem da Meia Noite e com o CVV, enriquece nosso trabalho”, comenta o gerente da Gerência Regional de Educação (GRE) Metropolitana Norte, Glaydson Santiago.
Aluna do 2º ano do ensino médio da Escola de Referência em Ensino Médio (Erem) Clóvis Bevilaqua, no Hipódromo, Zona Norte do Recife, Milbia Bispo, 17 anos foi prestigiar o lançamento da camisa do calunga. “Apesar de não ter na minha escola nenhum projeto de atenção à depressão ou problemas do tipo, sempre temos a preocupação de ouvir o outro. Eu acredito no poder de cura da alegria, do abraço e da brincadeira e isso tem tudo a ver com o Carnaval”, comenta.

Para a campanha “Palavras que salvam vidas”, que está sendo representada pela cantora Bia VillaChan, foram produzidas 300 camisas que começarão a ser vendidas amanhã, na sede do Homem da Meia Noite. A estampa é assinada pela estilista Rafaela Mendes. O valor arrecadado vai ser destinado ao CVV, que dá apoio emocional a quem solicita.

“Damos a oportunidade a quem está se sentindo deprimido desabafar, conversar e ter essa escuta amorosa. Nosso trabalho é de apoio emocional ao telefone, 24 horas, todos os dias. Ou via chat, e-mail e atendimento pessoal com anonimato garantido”, explica a vice-coordenadora da instituição em Pernambuco, Isabel Melo. Para ela, a parceria com o Clube do Homem da Meia Noite é motivo de comemoração.

As camisas vão custar R$ 45 e podem ser compradas na sede do Clube, na Estrada do Bonsucesso, 132, em Olinda. Já nos preparativos para o Carnaval, o local volta a abrir de quinta a domingo. O valor será destinada à construção de uma sede própria para o CVV. Enquanto o plano não sai do papel, a instituição funciona na Rua Manoel Borba, 99, Boa Vista, Centro do Recife. Quem precisar de apoio emocional pode procurar ajuda pelo telefone 188 ou pelo site cvv.org.br. Dúvidas sobre doações e voluntariado também podem ser retiradas no portal online do Centro.

As visitas às escolas começam amanhã e seguem até o dia 30. A primeira delas será à Erem Santa Ana, em Jardim Atlântico. Seguida pela Escola Municipal Lions Dirceu Veloso, nos Bultrins; Erem Floriano Peixoto, em Ouro Preto; Erem Padre Francisco Carneiro, em São Benedito; Escola Municipal Dom Azeredo Coutinho, em Peixinhos; e Escola Municipal Gregório Bezerra, também em Jardim Atlântico.

Gostou ? Então deixe um comentário abaixo.

Clippings