Senado vai realizar sessão solene para homenagear o Dia do Médico

Fonte: CFM

Depois da homenagem feita nesta quarta-feira (16) pela Câmara dos Deputados aos médicos brasileiros, o Senado vai realizar sessão solene na próxima sexta-feira (18) para celebrar o Dia do Médico. A sugestão foi do senador Izalci Lucas (PSDB-DF). Para o presidente do Conselho Federal de Medicina (CFM), Mauro Ribeiro, a data comemorativa também deve ser de luta. “Vamos mostrar aos parlamentares que a Medida Provisória 890/19 deve ser mantida da forma como foi enviada pelo governo federal e que a moratória das escolas médicas seja mantida”, afirmou.

Para o presidente do CFM, os médicos brasileiros são os grandes heróis do país, pois enfrentam a falta de condições de trabalho, com hospitais, pronto-socorros e UPAS lotados, além da falta de condições básicas nas unidades de saúde. “Bem-aventurados são os médicos, que trabalham com a vida e com morte. E que não esteja longe o dia em que todos nós teremos as melhores condições de trabalho”, afirmou.

MP 890/19 – O CFM é contra a emenda apresentada na comissão especial que abre exceção para atuação, no Brasil, de brasileiros formados no exterior. “Todo médico formado no exterior é bem-vindo, seja na Bolívia, Cuba ou Harvard, desde que faça o Revalida”. Também é contra que a prova de proficiência seja aplicada por faculdades particulares.

Outra batalhar que o CFM tem enfrentado é pela manutenção da portaria 3.218/18, que prevê a moratório, por cinco anos, da abertura de escolas médicas e de novas vagas nos cursos de medicina. “Os governos do PT, com base na falácia de que faltavam médicos no Brasil, implementaram a política de abertura indiscriminada de escolas médicas. Não podemos deixar que esta política volte”, alertou.

Demografia – O Brasil tem hoje 475,7 mil médicos ativos no Brasil, o que significa uma proporção de um profissional para cada 442 habitantes. Estes, no entanto, estão distribuídos desigualmente: as capitais registram um médico para cada 197 habitantes, mas o interior tem um para cada 780. No interior das regiões Norte e Nordeste, essa proporção pode chegar a 1.980 habitantes para cada médico.

No Brasil, o Dia do Médico é celebrado em 18 de outubro pela influência da Igreja Católica. Essa data é associada a São Lucas, um dos 12 apóstolos e autor de dois livros do Novo Testamento. Ele foi um médico grego e é o padroeiro da profissão.

Gostou ? Então deixe um comentário abaixo.

Clippings