CAA/UFPE | Fonte: UFPE

Cremepe participa da colação de grau da primeira turma de Medicina do Campus do Agreste

Fonte: UFPE

“O nome de nossa turma é Pioneira, mas bem que poderia ser Raça, Perseverança e Luta”. A frase é de Mateus Soares de Araújo, orador e um dos 75 formandos da primeira turma de Medicina do Campus do Agreste (CAA) da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). A cerimônia de colação de grau foi realizada na noite dessa quarta-feira (22), no Senac Caruaru, e contou com a presença do reitor e do vice-reitor da UFPE, Alfredo Gomes e Moacyr Araújo, respectivamente; do presidente do Cremepe, Mario Fernando Lins; da prefeita de Caruaru, Raquel Lyra; e do ex-ministro da Educação Mendonça Filho; além de pró-reitores, familiares, docentes e do Sindicato dos Médicos, Ana Carolina Oliveira.

Confira as fotos oficiais da UFPE

Para o reitor Alfredo Gomes, a cerimônia representou a consolidação do processo de interiorização da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). “Esses médicos foram formados a partir de uma concepção diferente, que os insere em um projeto de medicina social”, disse. “Isso é um passo muito importante e o símbolo de um novo tempo na formação feita aqui no interior do estado”, completou o reitor.

Conforme explica a professora Carolina Paz, coordenadora do curso de Medicina, a graduação foi desenvolvida a partir de um projeto pedagógico inovador. “Desde o primeiro período, nossos estudantes são inseridos em unidades de saúde de vários níveis de atenção. Lá, eles vivenciam o que é a prática médica desde o início, construindo seu aprendizado de uma forma mais significativa”, explica. “A saúde não é apenas um componente biológico, mas também social e educacional, entre outros. São várias as questões envolvidas, e nossos estudantes aprendem isso desde o começo do curso”, completou Carolina Vaz.

Outro ponto de relevo é o fato de os recém-formados, em sua maioria oriundos do interior do estado, manifestarem o desejo de atuar profissionalmente na região. “A fixação desses médicos no interior do estado vai promover uma melhoria na qualidade da saúde aqui da região, pois eles são profissionais contextualizados com a situação de sua cidade”, avaliou o professor Manoel Guedes, diretor do CAA.

Um dos momentos de grande emoção da noite foi a entrega da Láurea Acadêmica ao estudante Ycaro Lopes Briano. De família humilde, o jovem arcoverdense pôde realizar o sonho de infância após anos de muita dedicação. “Essa é a realização de um sonho meu e de toda a minha família”, disse Ycaro, o primeiro médico da família. “A gente é crescido e criado nesse meio, conhece muito da cultura local. Assim, vamos poder contribuir de uma maneira mais humana no cuidado das pessoas”, avaliou.

NOVO PRÉDIO – A primeira turma do bacharelado em Medicina do Campus do Agreste da UFPE ingressou no curso em 2014. A graduação, vinculada ao Núcleo de Ciências da Vida do CAA, possui 401 estudantes – incluindo os 69 recém-formados – e 75 professores, entre efetivos e substitutos. Dentro em breve, as aulas do curso deixarão as instalações do Polo Comercial de Caruaru e passarão a ser realizadas em uma edificação específica no próprio CAA. “Esse prédio vai comportar não somente o curso de Medicina, mas também outros cursos da área, que pretendemos trazer o quanto antes”, afirma Manoel Guedes, diretor do CAA. De acordo com Manoel, o espaço vai poder consolidar a pesquisa na área médica e também a prática, uma vez que vai contar com uma unidade de saúde conectada ao prédio.

Gostou ? Então deixe um comentário abaixo.

Clippings