Procurar
Agendar Atendimento

Serviços

ver todos

Cremepe lamenta o falecimento do psiquiatra Miguel Schettini

É com imenso pesar que o Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (Cremepe) lamenta o falecimento do psiquiatra Miguel Schettini, na noite dessa quinta-feira (14/01), aos 85 anos.

O pernambucano formou-se pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) em 1960. Ao longo da sua carreira, atuou em importantes unidades de saúde do Estado, como: Hospital Ulysses Pernambucano, Hospital Correia Picanço, chefiou a psiquiatria do IPSEP além de atender, também, em consultório particular. Dr Miguel contribuiu com o corpo de departamento de psiquiatria da Associação Médica de Pernambuco (AMPE) que, em 2016, dedicou um artigo à história do médico. “Miguel Schettini (como é conhecido) é um psiquiatra cinco estrelas: correto, amigo, culto, ético, modesto. Ele engrandece a classe médica pernambucana (…) Se a psiquiatria conduz ao contato com a alma humana, este componente transcendental sempre iluminou os passos de Miguel”, diz a publicação da Associação.

Muito querido e referenciado entre os companheiros de trabalho, Dr. Miguel é descrito como um grande psiquiatra, mestre, humanista e amigo. O psiquiatra deixa esposa, duas filhas e quatro netos. O Cremepe expressa condolências aos amigos e familiares neste momento de luto.