Pesquisar
Agendar Atendimento

Serviços

ver todos

Pressão por melhoria na saúde

Esta semana será utilizada pelos funcionários e pelos conselhos profissionais para pressionar o governo do Estado por melhorias nas condições de atendimento nas unidades básicas e no Centro de Saúde Escola Murialdo, de Porto Alegre, que atendem em torno de 80 mil pessoas do bairro Partenon.

Deficiências de infra-estrutura, material de trabalho e pessoal são denunciadas há tempo. Segundo a Secretaria Estadual da Saúde, a maior parte dos problemas apontados nas unidades de atendimento deverá ser solucionada nos próximos meses, com a contratação de mais profissionais e melhorias nas condições de trabalho.

Nesta segunda-feira, o Sindicato Médico do RS (Simers) solicitará ao Conselho Regional de Medicina (Cremers) vistoria nas condições das unidades e do centro. A decisão foi tomada em assembléia geral dos médicos e residentes do Murialdo. “O Cremers tem poder de fiscalização”, diz Nauro Aguiar, do Simers.