Pesquisar
Agendar Atendimento

Serviços

ver todos

Bahia receberá R$ 15 milhões

FORTALEZA (ABr) – O Ministério da Saúde autorizou repasse de R$ 1,6 milhão para ações emergenciais de controle e prevenção da dengue, chikungunia e zika vírus na Bahia. A portaria que encaminha os recursos para o Fundo Estadual de Saúde do estado está publicado no Diário Oficial da União de ontem. As três doenças ocorrem simultaneamente e já são tratadas como tríplice epidemia. Dados do último boletim da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia mostram os registros de 53,5 mil casos suspeitos de dengue, 41,6 mil de zika vírus e 11,7 mil de chikungunya entre janeiro e o começo de agosto. No caso da dengue, houve aumento de 177% dos casos em relação ao ano passado, e a incidência é de 354 casos para cada 100 mil habitantes. A Organização Mundial da Saúde (OMS) considera que níveis de incidência acima de 300 revelam situação de epidemia. Segundo o boletim, a incidência de zika vírus está em 275 casos para cada 100 mil habitantes. Ao todo, foram solicitados R$ 15 milhões.