Pesquisar
Agendar Atendimento

Serviços

ver todos

Atraso em repasse deixa HGV sem exames de imagem

Os pacientes do Hospital Getúlio Vargas (HGV) estão com dificuldades para realizar exames de imagem, como tomografias e ressonâncias. A clínica contratada pelo estado, a UniNeuro, suspendeu o atendimento por falta de pagamento. O HGV, no Cordeiro, é especializado na área de ortopedia e realiza mais de dois mil atendimentos por mês na emergência e outros 12 mil no ambulatório.

Por causa do atraso na realização dos exames de imagem, a Associação de Defesa dos Usuários de Planos e Sistemas de Saúde (Aduseps) entrou com ação na Justiça para garantir o direito aos exames dos pacientes. De acordo com a presidente da Aduseps, Renê Patriota, a ideia é instalar um estande na frente do hospital para receber as denúncias dos pacientes. “Queremos ainda esta semana armar essa tenda onde vamos coletar os depoimentos.”

A Secretaria Estadual de Saúde disse que deu início à regularização dos repasses para a UniNeuro. Segundo a pasta, o serviço está sendo retomado e a expectativa é que até o final desta semana esteja normalizado, incluindo os pacientes ambulatoriais.