Pesquisar
Agendar Atendimento

Serviços

ver todos

Infecção hospitalar cai 23%

Nos 23 anos em que atua como enfermeira em unidades de terapia intensiva (UTIs), Sandra de Lour-des de Lima Santos da Luz, de 48 anos, sempre soube reconhecer a fragilidade dos pacientes ali, que demandam mais cuidado para evitar infecções hospitalares. Eles são o foco de um trabalho anunciado há um ano e que já apresenta resultados em 119 hospitais do Sistema Único de Saúde (SUS).

Profissionais da rede pública estão recebendo treinamento em cinco hospitais particulares de referência no País. Com a padronização de procedimentos na UTI, o projeto conseguiu uma redução de 23% nas ocorrências de infecção hospitalar nas unidades e tem como meta chegar à queda de 50% até 2020.

Coordenadora de enfermagem da UTI São Lucas do Hospital Municipal Santa Isabel, em João Pessoa (PB), Sandra diz que o hospital contava com um núcleo de segurança do paciente e todos os profissionais trabalhavam para evitar a contaminação, mas a proposta trouxe uma revolução. “Com pequenas coisas que nos ensinaram, a gente tem conseguido reduzir (casos de infecção), mesmo com todas as dificuldades. Não é cada um fazendo do seu jeito, agora temos práticas em conjunto.”

Funcionária há 18 anos, ela | diz que é a primeira vez que participa de um projeto dessa natureza. “A gente nunca teve um tutor nem especialistas como eles, que dão muita atenção e vêm ver de perto o que a ° gente está fazendo. O hospital ganha crédito dentro de uma sociedade que está desacreditada.”

FOCO

Os tutores são a Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein, o Hospital Alemão Oswaldo Cruz, o Hospital Sírio-Libanês, o Hospital do Coração (HCor) e o Hospital Moinhos de Vento, que fizeram uma parceria com o Ministério da Saúde por meio do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do SUS (Proadi-SUS), projeto financiado com recursos de isenção fiscal.

O trabalho, realizado em 25 Estados, se concentra em diminuir três tipos de infecção: na corrente sanguínea, no trato urinário e a pneumonia associada à ventilação mecânica.