Pesquisar
Agendar Atendimento

Serviços

ver todos

Noronha confirma três novos casos de Covid-19

As matérias veiculadas pelo jornal citado como “fonte” não representam a opinião do Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (Cremepe). O clipping tem por objetivo atualizar os leitores das principais notícias referentes à saúde veiculadas no país e, principalmente, no estado de Pernambuco.

A Administração de Fernando de Noronha informou que foram detectados mais três casos do novo coronavírus na ilha. Os pacientes são passageiros que vieram do Recife no voo do último sábado , sendo dois moradores e um servidor. Embora tenham apresentado resultado negativo nos exames realizados no continente, os passageiros testaram positivo no reteste, em Noronha.

Serão enviadas ao Recife, amostras de 15 pessoas que tiveram contato com os pacientes confirmados e agora passam a ser casos em investigação. Como o servidor infectado permanecerá em recuperação no arquipélago, entra na contagem dos casos registrados em Noronha, que agora sobem para 76, sendo 42, identificados pelo Estudo Epidemiológico em curso no arquipélago.

Além dos três novos confirmados, outros três moradores contaminados pelo novo coronavírus continuam em isolamento, cumprindo quarentena. Os seis pacientes encontram-se assintomáticos.

Atividades
Com o controle da disseminação do novo coronavírus em Noronha, algumas atividades que fazem parte da rotina dos moradores já foram liberadas na ilha. Na última segunda-feira, o transporte público voltou a circular. Desde o último dia 26, restaurantes, bares e lanchonetes da ilha foram liberados para voltar às atividades em Noronha, com 50% da capacidade de mesas e cadeiras. Também já estão permitidas as celebrações religiosas e as atividades de equipes esportivas.

Noronha liberou ainda o comércio varejista, salões de beleza e serviços de estética, construção civil, clínicas e consultórios médicos, odontológicos e veterinários, óticas, clínicas de fisioterapia e de psicologia. As praias também já podem ser frequentadas pelos moradores. Todos os setores e serviços precisam seguir o protocolo para as atividades.