Pesquisar
Agendar Atendimento

Serviços

ver todos

Restrições ainda mais duras

As matérias veiculadas pelo jornal citado como “fonte” não representam a opinião do Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (Cremepe). O clipping tem por objetivo atualizar os leitores das principais notícias referentes à saúde veiculadas no país e, principalmente, no estado de Pernambuco

Atividades não essenciais em todos os 184 municípios do Estado deverão fechar entre 20h e 5h, de segunda a sexta-feira, a partir de amanhã. Durante os finais de semana essas atividades não estão autorizadas a funcionar em qualquer horário. A medida, anunciada ontem pelo governador Paulo Câmara, é uma das formas de diminuir o avanço da pandemia e o aumento das internações pela covid-19 em Pernambuco. Aos sábados e domingos também estarão fechados clubes sociais, praias e parques. Nas praias, no entanto, nos fins de semana, será permitida a prática de atividades esportivas individuais, ou seja, as pessoas poderão realizar caminhadas como as que normalmente são feitas no calçadão da orla de Boa Viagem, na Zona Sul do Recife. Já os Parques da Jaqueira, Santana, Macaxeira e Lindu, por exemplo, todos na capital pernambucana e sob a gestão da prefeitura, estarão com acesso proibido aos sábados e domingos. De acordo com o governador, as restrições vão durar duas semanas. Valerão, portanto, até o dia 17 de março. Jogos do Campeonato Pernambucano e da Copa do Nordeste poderão acontecer normalmente, desde que sigam o atual protocolo e não haja público durante as partidas. Igrejas e templos religiosos estão autorizados a abrir das 5h às 20h, de segunda a sexta, mas terão que fechar nos fins de semana. O anúncio foi feito no dia em que o Estado ultrapassou a marca de 300 mil pessoas infectadas pelo novo coronavírus. Segundo boletim epidemiológico da Secretaria Estadual de Saúde, até ontem Pernambuco totalizava 300.104 casos confirmados da doença, sendo 32.499 graves e 267.605 leves, que estão distribuídos por todos as cidades pernambucanas, além do arquipélago de Fernando de Noronha. Desse universo, 11.007 doentes não resistiram ao vírus e morreram. “Passamos o final de semana monitorando os dados da pandemia. O trabalho continuou nesta segunda-feira e, infelizmente, o cenário só se agravou, mesmo com a abertura de novos leitos de UTI. Estamos agora com 93% de ocupação em nossos leitos de terapia intensiva e nada aponta para a melhora desse quadro”, lamentou Paulo Câmara, em vídeo postado nas redes sociais do governo. “A contaminação e a hospitalização decorrentes da covid-19 estão em aceleração. Precisamos reduzir o contato social para frear essa escalada dos números”, destacou o governador.

Ele lembrou que os serviços essenciais poderão funcionar normalmente. Fazem parte desse grupo supermercados, padarias, farmácias, postos de gasolina, delivery e pontos de coleta dos restaurantes. Com a nova restrição, bares, restaurantes e shoppings, além de comércio de rua não essencial, terão que fechar às 20h durante a semana e não poderão abrir nos fins de semana por não serem considerados atividades essenciais (com exceção para entregas). O secretário de Justiça e Direitos Humanos de Pernambuco, Pedro Eurico, classificou como uma “baderna” as aglomerações registradas em lojas de conveniência de postos de combustíveis no último fim de semana. “Postos podem funcionar como serviço essencial, mas só o fornecimento de combustível. A loja de conveniência deve fechar na mesma hora em que fecham os serviços não essenciais. Se os proprietários não cumprirem o horário vamos interditar o posto”, afirmou Eurico à TV Globo. Hoje, o governador Paulo Câmara se juntará a outros governadores para negociar, em Brasília, a compra da vacina russa Sputnik, diretamente com o laboratório que a fabrica. “Vamos buscar todas as possibilidades existentes para ampliar a imunização de todos os pernambucanos e pernambucanas”, assegurou o chefe do Executivo estadual.

SEM PRESENCIAL

Depois do Tribunal de Justiça de Pernambuco suspender expediente presencial em todas as unidades administrativas e judiciárias de 1º e 2º graus do Poder Judiciário até o dia 10, por causa da covid-19, a Câmara de Vereadores do Recife e o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) também anunciaram ontem restrições para ajudar na diminuição da proliferação da doença. A partir de hoje, as atividades presenciais na Câmara Municipal do Recife estão suspensas por tempo indeterminado. O legislativo municipal já realizava as sessões plenárias e as reuniões das comissões de forma remota, mas mantinha o atendimento presencial nos gabinetes, que agora não será mais permitido. Somente servidores autorizados para realização de funções essenciais terão acesso às dependências da prédio. No MPPE, as atividades presenciais em todas as unidades do órgão não poderão ocorrer até quarta-feira da próxima semana (dia 10). Nesse período, serão mantidos o atendimento virtual e a recepção e tramitação de documentos de forma eletrônica.