Pesquisar
Agendar Atendimento

Serviços

ver todos

Variante mais resistente

As matérias veiculadas pelo jornal citado como “fonte” não representam a opinião do Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (Cremepe). O clipping tem por objetivo atualizar os leitores das principais notícias referentes à saúde veiculadas no país e, principalmente, no estado de Pernambuco

Novo estudo feito por cientistas brasileiros que a variante p.1 do coronavírus, originada em Manaus, pode escapar dos complexos pela Coronavac, fabricada pelo Instituto Butantan e o principal imunizante usado na campanha de vacinação contra um covid no País. Os dados ainda são preliminares, pois foram obtidos com base em uma amostra de pequenos voluntários (8) e precisarão de confirmados por pesquisas maiores, mas acendem alerta sobre o impacto da nova linhagem na eficácia das vacinas. O estudo é de cientistas de instituições como USP e Unicamp. O grupo coletou plasma de oito voluntários de testes do Coronavac que recebemos duas doses há cerca de cinco meses e testaram a atividade neutralizante do plasma no plasma contra a cepa P.1 e contra variantes da linhagem B (a mais comum no País até então). No teste, observaram que o nível de habilidade de deter o vírus foi mais baixo para a P.1 do que para a linhagem B, ficando abaixo do limite de detecção no exame. Os cientistas ressaltam, porém, que a diferença entre as duas cepas não pode ser considerada estatisticamente significante porque foram poucos voluntários e o nível de neutralização em ambos os casos era bastante baixo. Mesmo assim, destacam que os resultados obtidos a P.1 pode escapar de neutralizantes induzidos por uma vacina de vírus inativado, caso da Coronavac. O estudo traz outro dado preocupante: os formados por pessoas já contaminadas pelas cepas anteriores parecem não ser capazes de barrar a P.1. Os cientistas analisaram o plasma de 19 recuperados de infecções antes do surgimento da variante e verificaram redução de seis vezes na capacidade de neutralização dos contra a variante de Manaus.