Pesquisar
Agendar Atendimento

Serviços

ver todos

Primeiro fim de semana de restrições mais rígidas tem oito interdições em Pernambuco

As matérias veiculadas pelo jornal citado como “fonte” não representam a opinião do Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (Cremepe). O clipping tem por objetivo atualizar os leitores das principais notícias referentes à saúde veiculadas no país e, principalmente, no estado de Pernambuco

Serviços não essenciais e até uma festa em uma fazenda com mais de 100 pessoas foram fiscalizados pelo Procon

Na noite de sexta-feira (5), a fiscalização interditou dois estabelecimentos: a Kony Lounge, em Jardim Paulista, em Paulista, e o Champagne Club, em Boa Viagem, na Zona Sul do Recife, que estava aberto com cerca de 20 pessoas. 

Na noite do sábado (6), uma festa com mais de 100 pessoas foi interrompida na Fazenda Margarida, em Moreno, na Região Metropolitana do Recife (RMR).

No mesmo dia, o Universo da Beleza e uma loja de O Boticário, ambos no bairro de Afogados, na Zona Oeste do Recife, estavam funcionando com a porta entreaberta. Esses dois estabelecimentos não integram as atividades essenciais estabelecidas no decreto estadual.

Já na manhã de domingo (7), mais irregularidades foram encontradas na RMR.

No bairro da Bomba do Hemetério, na Zona Norte do Recife, uma barbearia sem identificação foi fechada. O serviço de cabeleireiro não está previsto como essencial no decreto estadual.

Em Jaboatão, na RMR, foram interditados a bomboniere Ari Doce, em Prazeres, e a banca de jogo do bicho Caminho da Sorte, em Cavaleiro.

Ainda segundo o Procon, diversos ambulantes estavam nas ruas e foram orientados a parar as vendas pelos fiscais. 

Alguns mercadinhos que estavam com filas formando aglomerações foram autuados e se adequaram no momento da fiscalização.

Como denunciar
Denúncias de locais descumprindo as medidas podem ser feitas de segunda a sexta, das 8h às 17h, no 0800.282.1512 do Procon-PE. 

No WhatsApp do órgão, o (81) 3181.7000, as denúncias podem ser feitas a qualquer hora, assim como no Instagram @proconpe.

Se a denúncia for sobre festas privadas, em residências e aglomerações em vias públicas a denúncia deve ser feita à Polícia Militar no 190.