Pesquisar
Agendar Atendimento

Serviços

ver todos

Salgueiro recebe 10 leitos de UTI para bebês e crianças

Para colocar em funcionamento a nova UTI no município, SES-PE instalou um novo tanque de oxigênio com mais que o dobro do anterior

O Hospital Regional Inácio de Sá, no município de Salgueiro, no Sertão pernambucano, inaugurou, ontem, 10 novos leitos de UTI, sendo sete neonatais e três pediátricos, para o atendimento de pacientes que apresentam a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), incluindo a Covid-19. De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), a abertura das novas vagas faz parte do projeto de expansão da rede de saúde e ampliação de oferta hospitalar no interior do estado.

Segundo a SES-PE, o suporte intensivo para esta faixa etária é o primeiro da região. ”Os leitos de terapia intensiva já começaram a ser disponibilizados para transferência e admissão de pacientes na noite da sexta-feira (18), pela Central Estadual de Regulação de Leitos, setor responsável pela distribuição das vagas nas unidades de saúde vinculadas ao SUS. Com essa estrutura, esperamos proporcionar as condições necessárias para a internação dos bebês e crianças mais graves”, disse a secretária-executiva de Atenção à Saúde da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), Cristina Mota.

Para colocar em funcionamento a nova Unidade de Terapia Intensiva no município, a SES-PE realizou, no início da semana, a instalação de um novo tanque de oxigênio que possui mais que o dobro do volume do anterior, o que, segundo a secretaria, vai proporcionar maior capacidade de fornecimento do insumo. De acordo com a pasta, o armazenamento do gás medicinal era de 3.960 m³ e agora é de 9.780 m³.  A unidade também foi equipada com 10 novos respiradores, 10 monitores multiparâmetro de sinais vitais, 40 bombas de infusão hospitalares e sete incubadoras e três camas pediátricas.

“Esta inauguração nos coloca como referência no atendimento e tratamento ao recém-nascido e crianças com SRAG. Não podemos esquecer que os investimentos e os ganhos são definitivos para a região. A equipe médica já foi convocada e vamos começar a receber os pacientes nas próximas horas”, explicou a gestora da unidade, Gilcia Nascimento.

Com a inauguração, a unidade passa de 122 para 135 leitos, sendo cinco Neonatal; 20 SRAG adulto e 10 Neonatal/pediátrica.