Pesquisar
Agendar Atendimento

Serviços

ver todos

Novas flexibilizações começam a valer a partir desta segunda-feira (19) em Pernambuco

Bares e restaurantes podem funcionar com uma hora a mais nos finais de semana e feriados

Entram em vigor a partir desta segunda-feira (19), as novas flexibilizações do Plano de Convivência com a Covid-19 em Pernambuco. Entre as mudanças estão o funcionamento com horário estendido de bares e restaurantes nos finais de semana e feriados e o aumento da capacidade em eventos sociais.

Os bares e restaurantes podem funcionar com uma hora a mais nos finais de semana e feriados. Na Macrorregião I, que compreende a Região Metropolitana do Recife, parte do Agreste e Zona da Mata, os estabelecimentos funcionam até às 23h. Nas Macrorregiões II, III e IV, os locais podem funcionar até às 22h.

Além disso, os bares, restaurantes e casas de festa retomam a música ao vivo, atendendo a uma demanda da classe artística, de organizadores de eventos e donos de bares e restaurantes. Ainda não é permitido o funcionamento da área de dança.

“O nosso setor tem muita concorrência e qualquer hora que a gente perde em atividade reflete na capacidade de pagamento. A entrada dos músicos também foi um componente muito forte. Nós temos uma pesquisa interna da Abrasel mostrando que até 40% do faturamento pode vir do incremento ou não da música ao vivo. Para nós isso é extremamente importante porque para com essa sangria permanente que nós estávamos tendo no setor” pontua o presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes de Pernambuco (Abrasel-PE), André Araújo.

Para eventos sociais como aniversários, batizados, casamentos e festas de formaturas, a capacidade foi ampliada de 50 para 100 pessoas e até 30% da capacidade do espaço, se for menor.

“Para a parte de evento social é um momento significativo, porque a quantidade anterior de 50 pessoas não atendia quase nada. Nós temos a possibilidade de planejar eventos maiores a partir de setembro, porque a curva de contaminação está estável e a tendência é baixar e nós somos adeptos totalmente ao evento seguro. Como esse é um setor que trabalha com planejamento, então o fato de ter aumentado para 100 pessoas permite que eventos comecem a ser planejados, além de atender de imediato a uma gama de outros eventos”, destaca a presidente da Associação Brasileira de Empresas de Eventos em Pernambuco (Abeoc-PE), Tatiana Marques.

De acordo com a secretária executiva de Desenvolvimento Econômico, Ana Paula Vilaça, é importante que a população continue seguindo os protocolos sanitários. “Esse passo a passo deve ser acompanhado com todos os nossos cuidados e toda nossa proteção, porque a pandemia não acabou. Vacinação, cuidado e proteção são as palavras-chave. Então para que a gente continue flexibilizando o funcionamento das atividades, reabrindo novas atividades, é importante que a gente obedeça aos protocolos sanitários, respeite o distanciamento social e evite a aglomeração”, explica.