Pesquisar
Agendar Atendimento

Serviços

ver todos

Pernambuco tem 1/3 de vacinados

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) informou, no início da noite de ontem, que 30,63% da população elegível na campanha de imunização contra a covid-19 em Pernambuco já completou o seu esquema vacinal. Até o momento, o Estado já aplicou 7.320.972 doses da vacina e, deste total, 2.231.118 pessoas não têm nenhuma dose pendente. Conforme os dados apresentados pela SES, 5.089.854 primeiras doses e 2.058.447 segundas doses já foram aplicadas em Pernambuco. “Em relação à dose única, foram beneficiadas 2.186 idosos de 60 a 69 anos; 564 idosos de 70 anos e mais; 2.502 pessoas com comorbidades; 373 pessoas com deficiência permanente; 12.282 trabalhadores de serviços essenciais; 1.016 pessoas em situação de rua, além de 153.748 pessoas de 18 a 59 anos”, afirma a pasta no boletim com dados da covid-19 divulgado neste sábado. O Executivo estadual conta, ainda, que mais 25 mortes em decorrência da enfermidade foram registradas nas últimas 24 horas. Também há notificação de 477 casos da doença, sendo 58 (12%) considerados graves e 419 (88%) leves. “Agora, Pernambuco totaliza 603.534 casos confirmados da doença, sendo 53.025 graves e 550.509 leves, que estão distribuídos por todos os 184 municípios pernambucanos, além do arquipélago de Fernando de Noronha”, afirma o comunicado. Quanto às pessoas que morreram por complicações da covid-19, a SES explica que 13 eram mulheres e 12 eram homens, com idades que ficavam entre os 40 e os 94 anos. As mortes foram registradas entre os dias 22 de novembro de 2020 e 20 de agosto de 2021 entre pessoas que moravam em 11 cidades de várias partes do Estado. Do total de mortos, 19 tinham doenças preexistentes, como “doença cardiovascular (14), diabetes (10), hipertensão (6), obesidade (3), doença renal (2), AVC (1), câncer (1), doença respiratória (1), histórico de tabagismo (1) – um paciente pode ter mais de uma comorbidade. Os demais seguem em investigação”. Segundo a gestão estadual, Pernambuco é o estado mais transparente do Nordeste com relação aos dados relativos à pandemia. O Estado aparece em 4º lugar no Brasil, com 90 pontos, figurando no nível considerado alto de qualidade dessas informações. “Essa análise faz parte do Índice de Transparência da Covid-19 (ITC-19 3.0), estudo realizado pela seccional brasileira da Open Knowledge International (OKBR) – organização não-governamental presente hoje em 66 países, com atuação nas áreas de transparência das gestões e abertura de dados públicos”, detalha a SES.