Pesquisar
Agendar Atendimento

Serviços

ver todos

Municípios sem AstraZeneca

Quarenta municípios de Pernambuco informaram à Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) estar sem estoque para realizar a aplicação da segunda dose da vacina contra a covid-19 da AstraZeneca/Fiocruz na população (veja lista ao lado). Em casos como estes, a orientação dada pelo Ministério da Saúde é que, havendo estoque, a imunização seja feita com a vacina da Pfizer. A Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco (SES-PE) informou que a recomendação do Ministério da Saúde é, havendo estoque, fazer a aplicação da segunda dose com o imunizante da Pfizer.

A aplicação da segunda dose da AstraZeneca foi suspensa em diversas cidades no Brasil devido à falta do imunizante na semana passada, a exemplo de São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Tocantins e Rondônia.

De acordo com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), novas entregas da vacina estão previstas para ser entregues ao Brasil ainda nesta semana, normalizando as liberações ao Programa Nacional de Imunizações (PNI). A Fiocruz já havia informado, no último dia 2, que suas próximas entregas seriam realizadas entre os dias 13 e 17 de setembro. A última entrega foi em 27 de agosto, quando 3,5 milhões de vacinas foram liberadas.

O intervalo entre as entregas ocorreu porque os lotes mensais de agosto do ingrediente farmacêutico ativo (IFA), importado para a fabricação da vacina, só chegaram nos dias 25 e 30 do mês passado. Como o processo de fabricação e controle de qualidade das doses demora cerca de três semanas, a liberação só deve ocorrer a partir desta semana.

Pernambuco recebeu, ontem, mais 223.830 doses do imunizante contra a covid-19 da fabricante Pfizer/BioNTech. O voo trazendo 34 volumes da carga aterrissou no Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes – Gilberto Freyre, às 10h. As vacinas serão destinadas para iniciar novos esquemas vacinais de adolescentes com comorbidades e população acima dos 18 anos.

Desde o início da campanha de vacinação, em janeiro deste ano, foram repassadas ao Estado 11.358.440 doses de vacinas contra a covid-19.

De acordo com a SES-PE, 34,51% da população pernambucana já completou o esquema vacinal. Além disso, mais de 71% já tomou ao menos uma dose do imunizante contra a doença.

MOBILIZAÇÃO

Ontem, a SES-PE promoveu reunião da Comissão Intergestora Bipartite (CIB) junto aos municípios pernambucanos para discutir e pactuar a utilização da dose de reforço de vacinas contra a Covid-19 (3ª dose) – que deve ser direcionada para idosos acima de 70 anos e imunossuprimidos graves – além de definir uma grande mobilização para aplicação da segunda dose em todo o Estado – com o objetivo de ampliar o número de pessoas com o esquema vacinal completo.

“Pactuamos uma grande mobilização destinada para aplicação da segunda dose, envolvendo todos os municípios pernambucanos, sendo definido o ‘Dia D’ em 25 de setembro. Essa convocação juntos às cidades é fundamental para que possamos avançar conjuntamente na imunização em nosso Estado e garantir a continuidade do esquema, já que mais de 600 mil doses, de diversas fabricantes, estão em atraso”, afirmou, em nota, o secretário estadual de Saúde, André Longo. “A proposta é que os municípios realizem já a partir da próxima semana suas ações estratégicas que devem culminar com o Dia D, impulsionando nossa cobertura de segunda dose”, completou.