Pesquisar
Agendar Atendimento

Serviços

ver todos

Redução de idade e intervalo para dose de vacinação mobiliza municípios

decisão anunciada pelo Governo do Estado de reduzir a idade e o intervalo para tomar a segunda dose mobiliza os municípios. A maioria das prefeituras ouvidas pela Folha de Pernambuco disse ter condições de seguir as orientações da Secretaria da Saúde já a partir desta semana.

Depois do anúncio do Governo, o primeiro município a anunciar a medida foi Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana, que agora passa a aplicar dose de reforço em pessoas a partir de 55 anos com o intervalo de 120 dias entre a segunda e a terceira.

De acordo com a Secretaria de Saúde da cidade, não é necessário fazer agendamento para tomar a aplicação extra. Basta ir a qualquer um dos pontos de imunização contra a Covid-19 e apresentar um documento de identificação com foto além da carteira de vacinação. Mais de 90% da população já tomou, pelo menos, a primeira dose.

prefeitura de Olinda também diminuiu para 55 anos a faixa etária contemplada com o reforço. O prazo mínimo para tomar a terceira dose foi alterado, sendo quatro meses para idosos e profissionais de saúde e 28 dias para pacientes imunossuprimidos. Na hora de se vacinar, é preciso levar documento de identificação com foto, cartão de vacina e comprovante de residência.

Ainda no Grande Recife, as gestões de Paulista e Cabo de Santo Agostinho confirmaram que têm doses disponíveis no estoque e que vão aderir às mudanças. Quanto à organização do esquema de vacinação da dose extra, a prefeitura do Cabo informou que as ações serão definidas.

Já a Capital, onde o público com 55 ou mais já se vacina com o reforço desde o último dia 28, afirmou que, nos próximos dias, definirá sobre a redução do intervalo para a terceira aplicação.

Ainda nesta segunda-feira (8), a Administração de Fernando de Noronha anunciou a extensão da aplicação de reforço para todos os moradores que tenham recebido a terceira dose há, no mínimo, quatro meses. Além disso, a ilha, que já concluiu a vacinação de 100% da população adulta, contemplará todas as pessoas a partir de 18 anos com a dose extra.