Pesquisar
Agendar Atendimento

Serviços

ver todos

Paulista investiga cinco casos de doença

Após o Recife e Camaragibe, o município de Paulista também passou a investigar uma doença de pele desconhecida que vem acometendo moradores da Região Metropolitana. Três casos, que afetaram um adolescente de 17 anos e dois homens de 26 anos, foram divulgados ontem, e outros dois no domingo. Todos os pacientes foram atendidos na Prontoclínica Torres Galvão.

A capital investiga 105 ocorrências e Camaragibe contabiliza 62. Na sexta-feira, a Secretaria Estadual de Saúde informou que o Centro de Informações Estratégicas de Vigilância à Saúde  está acompanhando a evolução das investigações e dando o apoio técnico necessário.  

Além de lesões e coceiras, os pacientes também apresentam sintomas como dor de garganta, diarreia e febre, embora em menor quantidade. Observações preliminares afastaram a hipótese de surto de DTA (Doenças Transmitidas por Alimento), por não haver ingestão de água ou comida em comum entre os enfermos. As lesões não parecem representar grave perigo, pois ainda não há nenhum relato de hospitalização.