Pesquisar
Agendar Atendimento

Serviços

ver todos

Aceleração segue na capital

Uma nova atualização dos casos de influenza no Recife, divulgada ontem pela Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), mostra que o município confirmou, até o momento, 2.138 casos de influenza subtipo A (H3N2). O número representa um aumento de 71%, em comparação com a última quarta-feira (29 de dezembro), quando foram registrados 1.247 casos da gripe. Agora, com os dados de ontem, sobe para 14 o volume de pacientes que não resistiram a complicações decorrente da infecção e foram a óbito.

Há cinco dias, o Recife totaliza seis vítimas fatais. Os pacientes que faleceram tinham idades entre 34 e 91 anos. Com aumento dos casos, a Prefeitura do Recife anunciou, ontem, a abertura de 40 leitos para tratamento de pacientes com síndrome respiratória aguda grave (srag), no Hospital Eduardo Campos da Pessoa Idosa (HECPI), em Areias. Desse total, 30 leitos são de enfermaria e outros 10 de UTI.

A previsão é que, até do mês, a unidade tenha todos os 70 leitos ativados para esta finalidade, caso necessário. Na área externa da Fundação de Saúde Amaury de Medeiros (Fusam), na Praça Oswaldo Cruz, no bairro da Boa Vista, Centro do Recife, o novo ponto de testagem estadual para detecção da covid-19 tem recebido cerca de 150 de pessoas por dia com sintomas gripais, desde que foi inaugurado, na última quarta-feira.

No local, é possível fazer o teste rápido de antígeno para detecção do coronavírus e saber o resultado em 20 minutos. O posto funciona de domingo a domingo, das 8h às 17h. Ontem, a reportagem do JC acompanhou a movimentação de pessoas que foram ao posto de testagem com sintomas gripais.

De acordo com uma das profissionais que atuam na estratégia do Testa PE Tathiane Sá, o local tem tido uma importante procura. “Todos os dias ultrapassamos o número de cem testes realizados. Até mesmo no feriado (1º), tivemos movimento”, disse. A médica Zilda Cavalcanti, 54 anos, acompanhou o filho, Daniel Cavalcanti para realização do teste. “Desde sábado, ele está com sintomas leves: nariz entupido, moleza e uma leve dor de garganta. Já tomou as duas doses da vacina, que salva vidas”, contou Zilda, que também fez o exame.

No Recife, nesta primeira semana de 2022, a Prefeitura do Recife leva o serviço de testagem gratuita contra a covid-19 para seis localidades. Os profissionais estão, até o sábado, das 9h às 16h, em vários pontos da cidade, como unidades de saúde e parques, realizando exames. Cada local tem capacidade para realizar até 200 testes. Entre os bairros que vão receber a ação, estão Afogados, Cordeiro, Macaxeira e Ilha Joana Bezerra.

Qualquer pessoa pode fazer o teste que detecta a doença ativa. Basta apresentar um documento de identificação. O resultado fica pronto em menos de 30 minutos.

Caso sejam identificadas pessoas com sintomas respiratórios e o teste de antígeno der negativo, os profissionais agendam, por meio do Atende em Casa, a realização do RT-PCR, teste padrão-ouro para detecção do vírus ativo. Até agora, 27.888 testes foram aplicados em mais de 70 localidades, com índice de positividade de 5,8% do total de pessoas examinadas. Os casos positivos estão sendo cadastrados no Atende em Casa para telemonitoramento.

VACINAÇÃO

Agora, a imunização contra a covid-19 no Recife passa a ser oferecida também em 22 unidades de saúde. Os locais aplicam tanto a primeira dose, como a segunda ou a dose de reforço. As unidades estão espalhadas nos oito distritos sanitários da cidade e aplicam as vacinas das 8h às 16h. É necessário fazer o agendamento pelo site (conectarecife.recife.pe.gov.br) ou aplicativo do Conecta Recife. Todas essas unidades também já aplicam a vacina contra gripe.

Entre elas, está a Upinha Nossa Senhora do Pilar, localizada na Rua do Brum, no Bairro do Recife. Ontem, dezenas de pessoas foram até o local para colocar a imunização em dia. Foi o caso do pedreiro José Maciel da Silva, 56, que foi à Upinha tomar a vacina contra hepatite e aproveitou para se proteger da influenza.

“Ainda não tinha tomado a vacina contra gripe. Há 15 dias, fiquei doente, com corpo todo dolorido. Mas já estou recuperado. E já tomei as duas doses contra covid-19. É muito importante a gente receber todas as vacinas. Tem parente meu que não quis tomar e está doente”, relatou.