RESOLUÇÃO 2079/14 | Fonte: Assessoria de Comunicação do Cremepe

Após reunião com diretores técnicos, Cremepe fiscaliza as UPAS do Estado

Fonte: Assessoria de Comunicação do Cremepe

O objetivo das vistorias é verificar a quantidade de médicos nas salas vermelhas e amarelas da UPA São Lourenço

O Conselho Regional de Medicina (Cremepe) iniciou nesta quarta-feira (05/09) as fiscalizações das salas vermelhas e amarelas das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) estaduais. A primeira unidade vistoriada foi a UPA Prof. Fernando Figueira, em São Lourenço da Mata. A ação foi motivada após a reunião com os diretores técnicos dos serviços que apresentou a Resolução CFM Nº 2079/14 que normatiza o funcionamento das UPAs 24h e congêneres,  dimensiona a equipe médica e o sistema de trabalho nessas unidades.

Em São Lourenço, há uma sala vermelha com quatro leitos – estava com cinco pacientes internados no momento da vistoria – e duas salas amarelas, uma para adultos com 10 leitos e outra pediátrica com quatro leitos. Porém, o número estabelecido na Resolução é um médico para cada dois leitos na sala vermelha e um médico exclusivo para cada oito leitos na sala amarela. Além disso, todo o paciente, independente da classificação só pode ser liberado após avaliação do médico.

 “Hoje através da fiscalização na UPA São Lourenço confirmamos que não há médico exclusivo nem para sala vermelha tão pouco para sala amarela. Essa é a realidade das UPAs do estado de Pernambuco”, afirmou o 2º secretário e coordenador da fiscalização do Cremepe, Sílvio Rodrigues. Ele ainda indicou que a autarquia fiscalizará os outros serviços e notificará as unidades que não cumprirem o número adequado de médicos determinando um prazo para adequação.

ESTRUTURA – Além de verificar as escalas de plantão, a vistoria também conferiu as questões estruturais e de insumos. Na unidade fiscalizada a estrutura é boa, adaptada para pessoas com deficiências, não faltam insumos e nem medicações. Há equipamentos de reanimação, oxímetro. Já as transferências são realizadas na ambulância do serviço quando há vaga na rede de referência.

Gostou ? Então deixe um comentário abaixo.

Clippings