Pesquisar
Agendar Atendimento

Serviços

ver todos

Câmara Temática do Cremepe lança carta em comemoração ao Dia Mundial dos Cuidados Paliativos

cuidados paliativosO Cuidado Paliativo é a assistência à saúde, na sua forma integral, que objetiva o controle adequado dos sintomas para os pacientes que têm doenças crônicas, progressivas e não passíveis de serem curadas. Os Cuidados Paliativos são realizados por equipes multiprofissionais e visam a qualidade de vida do paciente e seus familiares.

Para esclarecer a importância dessa área de atuação, a Câmara Temática de Cuidados Paliativos do Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (Cremepe) lança uma carta explicativa em comemoração ao Dia Mundial dos Cuidados Paliativos – 10 de outubro. O documento é também assinado pelos serviços de Cuidados Paliativos do Instituto de Medicina Integral Fernando Figueira (Imip), Hospital Oswaldo Cruz, (Huoc), Hospital do Câncer de Pernambuco (HCP) e Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

 CARTA ABERTA À SOCIEDADE SOBRE CUIDADOS PALIATIVOS

CONSIDERANDO:

Que é sabido que as pessoas em qualquer faixa etária e no curso de doenças crônicas, progressivas e incuráveis, necessitam de uma atenção digna ao final da vida, bem como seus familiares;

Que a qualidade de morte no Brasil foi classificado em 42º lugar dentre 80 países pela The Economist Intelligence Unit em 2015;

Que o Cuidado Paliativo é a forma de prover a adequada atenção às pessoas com doenças ameaçadoras da vida;

A Câmara Temática de Cuidados Paliativos do Conselho Regional de Medicina de Pernambuco, que é composta por um coletivo de profissionais, serviços e entidades envolvidas com os princípios, pressupostos e práticas dos Cuidados Paliativos, elaborou o presente documento com o objetivo de contribuir para:

1. Que a população tenha acesso às informações elucidativas básicas sobre Cuidados Paliativos;

2. A adaptação dos currículos de Instituições de Ensino Superior relacionada à formação de profissionais das áreas afins- saúde, social e humanas;

3.  O estabelecimento de uma rede integrada, hierarquizada e regionalizada para lidar com a assistência às pessoas com doenças crônicas, progressivas e ameaçadoras da vida;

4. Garantia do acesso à produtos, materiais e medicamentos que viabilizem a atenção em Cuidados Paliativos;

5. A construção da base legal e bioética para compor o arcabouço jurídico e ético para lidar com a terminalidade da vida no estado de Pernambuco;

6. Elaboração de uma estratégia de comunicação para atingir os objetivos propostos acima com os governos (Municipal, Estadual, Federal) e gestores de serviços de saúde;

7. Acionar atores políticos, sociais, religiosos e profissionais para inclusão dos cuidados paliativos nas agendas e nas respectivas mídias.

Dessa forma, esperamos melhorar a qualidade da oferta dos Cuidados Paliativos à população pernambucana, criando uma rede de atenção e de cuidados dignos às pessoas gravemente enfermas.

 Câmara Temática de Cuidados Paliativos do Cremepe