Pesquisar
Agendar Atendimento

Serviços

ver todos

Nova edição da Revista Bioética está disponível no Portal Médico

Está disponível no site da Revista Bioética a segunda edição do volume 26 do periódico científico, publicado há 26 anos pelo Conselho Federal de Medicina (CFM). Os 15 artigos da publicação discutem os principais assuntos que emergem da reflexão bioética como suicídio assistido e eutanásia, apresentados na perspectiva de profissionais e acadêmicos de um hospital universitário.

Também é discutida em dois trabalhos a alimentação enteral em pacientes em estado comatoso persistente. São apresentados ainda um apanhado sobre o ensino de bioética nas escolas de medicina da América Latina e um estudo sobre a percepção de estudantes a respeito das pesquisas científicas utilizando animais, entre outros.

O editorial da edição, com o tema “Deficiência e acessibilidade: a discussão nacional é indispensável”, ressalta o desafio a ser enfrentado no âmbito da bioética. De acordo com o texto, “questões de deficiência e acessibilidade remetem aos direitos fundamentais da pessoa, à Constituição brasileira, à legislação vigente no país, ao Sistema Único de Saúde (SUS) e a conceitos, teorias éticas e princípios de justiça”.

O artigo aponta dispositivos na Carta Magna brasileira e também da Lei 13.146/2015?2 – Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência – destinados especificamente ao cidadão com deficiência. As normas regulam medidas contra a discriminação, assegurando a proteção e integração social, cotas para cargos e empregos públicos, habilitação e reabilitação, entre outras previsões voltadas ao apoio e proteção desses indivíduos. Mas apesar da imposição legal, destaca-se que “a maioria dessas determinações tem sido pouco cumprida”.

Indexação em bases de dados – Editada em português, inglês e espanhol, a publicação é indexada nas plataformas (Lilacs (Literatura Latino-americana e do Caribe em Ciências da Saúde), Latindex (Sistema Regional de Información en Línea para Revistas Científicas de América Latina, el Caribe, España y Portugal), DOAJ (Directory of Open Access Journals), SciELO (Scientific Electronic Library Online) e Redalyc (Red de Revistas Científicas de América Latina y el Caribe, España y Portugal).

Acesse aqui a nova edição do periódico científico. A publicação é também acessível por meio de para tablets e smartphones, em www.flip3d.com.br/web/pub/cfm/index2/